4. Encadeamento de Acordes

Para encadearmos dois acordes distintos na Harmonia instrumental, conduzimos as vozes como na Harmonia vocal. Estas devem sempre procurar o caminho mais curto até as vozes do acorde seguinte. No caso de existirem uma ou mais notas comuns entre elas, devemos conservá-las nas mesmas alturas. E quando não houver notas comuns, as vozes deverão caminhar em direção contrária à do baixo.

Exemplos:

É importante notar que quintas e oitavas paralelas consecutivas, proibidas no estudo da Harmonia Vocal, resulta num efeito violonístico bastante explorado.

Exemplo: Niccoló Paganini em sua Sonatina em dó maior (1782-1840)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *